Tour da Sérvia, Macedônia e Albânia | 12 dias

1º dia | Belgrado

Transfer do aeroporto no horário de chegada do voo a ser confirmado

12h30 – 14h30 Tempo livre para almoço

14h30 – 17h30 Passeio a pé pelo centro de Belgrado

A palavra que melhor descreve Belgrado é "surpreendente". Esta cidade tão pouco conhecida pelos brasileiros encanta todos que a visitam pela sua história, sua gastronomia, pela beleza do encontro dos rios Sava e Danúbio vistos da fortaleza medieval de Belgrado, mas principalmente por sua energia positiva e a hospitalidade das pessoas que a habitam. A ex-capital e maior cidade da antiga Iugoslávia, a atual capital da Sérvia é uma das cidades mais antigas da Europa e guarda uma série de segredos que só podem ser desvendados por aqueles que a visitam. Venha e prepare-se para uma das viagens mais autênticas da sua vida!

Nesse passeio visitamos as principais atrações do centro de Belgrado: a Praça da República, a rua de pedestres Knez Mihailova e a fortaleza de Belgrado.

18h00 Fim das atividades com o guia

2º dia | Belgrado

08h00 – 09h00 Café da manhã no hotel

09h00 – 13h00 Passeio a pé à Igreja do São Sava, à feira Kalenić e ao parque Tašmajdan.

 

A igreja do São Sava é a maior igreja ortodoxa do mundo, a feira Kalenić é a maior feira a céu aberto de Belgrado e o parque Tašmajdan é um lindo parque que foi bombardeado pela OTAN em 1999 e é onde fica a igreja do São Marco.

13h00 – 14h00 Tempo livre para almoço

14h00 – 15h30 Visita ao museu de História da Iugoslávia

Localizado em uma suave colina dentro de um formoso parque de onde se desfruta de uma espetacular vista de Belgrado, o local criado pelo próprio marechal Tito para cultivar rosas e outras plantas se transformou em um dos pontos mais visitados da cidade no conjunto denominado Museu de História da Iugoslávia. Ali, além de visitar o túmulo do presidente da antiga Iugoslávia - Tito, um dos líderes de Estado mais respeitados mundialmente - o visitante poderá conhecer em primeira mão quem e como foi o homem transformado quase em lenda épica naqueles já longínquos anos da Segunda Guerra Mundial e na façanha posterior de converter em prosperidade as ruínas e desolação herdadas daquele conflito. 

15h30 – 18h00 Passeio por Zemun com visita à Torre de Gardos

Neste passeio, vamos conhecer o antigo bairro de Zemun, localizado na zona norte de Belgrado, às margens do rio Danúbio. Era o local que abrigava a fortificação e a guarnição do Império Austrо-Húngaro, como um posto avançado, na época do domínio dos Habsburgo sobre a região. A arquitetura do bairro guarda construções de estilo barroco austríaco do século XVIII, inclusive igrejas católicas. A vizinhança abriga muitos centros culturais e kafanas (tavernas tradicionais típicas da Sérvia). O auge do passeio é a vista do mirante de Gardoš, que dá um bom panorama de todo o bairro e alcança até a fortaleza de Belgrado.

18h00 Retorno ao hotel. Fim das atividades com o guia.

3º dia | Novi Sad e Sremski Karlovci

08h00 – 09h00 Café da manhã no hotel;
09h00 – 10h30 Viagem de carro a Novi Sad;

 

Charmosa, tranquila e cercada por uma planície fértil, a montanha Fruska Gora e o rio Danúbio, a capital da Vojvodina é uma pérola entre as cidades da Sérvia. Também é conhecida como a "Atenas Sérvia", devido à sua importância cultural. Lá você verá uma população multiétnica e ótimos exemplos da arquitetura austro-húngara. Foi eleita Capital Europeia da Juventude para 2019 e Capital Europeia da Cultura para 2021.


10h30 – 12h00 Passeio a pé pelo centro de Novi Sad;
12h00 – 13h00 Passeio guiado pelos túneis da Fortaleza de Petrovaradin;

Elevando-se sobre o rio em um morro a 40m de altura, esta poderosa cidadela do século XVIII, considerada a segunda maior fortaleza da Europa (e uma de suas mais bem preservadas), é apropriadamente apelidada de 'Gibraltar no Danúbio'. Petrovaradin é o lar do popular EXIT Festival de Novi Sad todo mês de julho. Você também pode descobrir uma parte dos 16 km de túneis subterrâneos assustadores, mas legais, da fortaleza, construídos como parte de um complexo sistema de defesa.


13h00 – 13h30 Viagem a Sremski Karlovci;

 

Sremski Karlovci é um charmoso vilarejo aos pés da montanha Fruska Gora, famoso pelos vinhos, especialmente o Bermet - vinho de sobremesa preparado com ervas medicinais que é a marca registrada de Karlovci. Na época do dompinio austríaco, o Tribunal Vienense liberou os viticultores de Karlovci do serviço militar obrigatório por causa da qualidade de seus vinhos. O Bermet também estava incluído na carta de vinhos do navio Titanic. Iremos visitar o museu do vinho e mel e o centro do vilarejo de Sremski Karlovci.


13h30 – 15h00 Degustação de vinhos em vinícola tradicional de Sremski Karlovci;

15h00 – 16h45 Almoço em restaurante local
16h45 – 18h00 Viagem de volta a Belgrado;

18h00 Fim das atividades com o guia

4º dia | Mosteiro Manasia e Lisine 

07h00 – 08h00 Café da manhã no hotel e check-out

08h00 – 10h00 Viagem de Belgrado ao mosteiro Manasija

10h00 – 11h00 Visita ao mosteiro Manasija

Manasija é um mosteiro ortodoxo sérvio fundado pelo déspota Stefan Lazarević entre 1406 e 1418. A igreja dedicada à Santíssima Trindade, é um dos monumentos mais significativos da cultura sérvia medieval e pertence à "escola Morava". O mosteiro é cercado por enormes muralhas e torres e, imediatamente após sua fundação, tornou-se um importante centro cultural. Sua Escola de Resava era conhecida por seus manuscritos e traduções ao longo dos séculos XV e XVI, mesmo após a queda do Despotado para os Turcos Otomanos. O complexo de Manasija foi declarado Monumento Cultural de Importância Excepcional em 1979 e é protegido pela República da Sérvia.

 

11h00 – 11h30 Viagem à Caverna de Resava

11h30 – 13h00 Visita à Caverna de Resava

 

A Caverna de Resava é um incrível monumento natural com cerca de 80 milhões de anos de idade, criado antes da grande era glacial pelos rios subterrâneos que haviam aberto seu caminho no terreno calcário. É uma das cavernas mais antigas e ao mesmo tempo a mais bonita da Sérvia. Tem 4,5 quilômetros de extensão, mas apenas 2.830 metros do sistema de cavernas foram detalhadamente explorados e cerca de 800 metros estão preparados para visitas turísticas. Independentemente da estação do ano, a temperatura na caverna é de 7 graus, enquanto a umidade varia de 80 a 100%. O interior da caverna de Resava está repleto de inúmeras câmaras, canais, galerias, colunas, estalactites, estalagmites, cortinas e cachoeiras de pedra. Ornamentos coloridos podem ser vistos na própria entrada, localizada a 485 metros acima do nível do mar.

13h00 – 13h30 Viagem para Lisine

13h30 – 16h00 Tempo para almoçar aos pés da cachoeira Veliki Buk e explorar a área

Veliki Buk é uma cachoeira no leste da Sérvia, nas encostas da motanha Beljanica. A cachoeira está localizada no rio Vrelo, afluente direio do rio Resava. Está localizada a cerca de 380 metros acima do nível do mar, perto da Caverna Resava. Um pequeno lago é formado na base, cercado por blocos de pântano. Juntamente com a nascente do rio Vrelo, está sob a proteção do estado, como monumento natural "Cachoeira Lisine" e como objeto de patrimônio geográfico da Sérvia. A Cachoeira Veliki Buk era considerada a cachoeira mais alta do país, com 25 metros de altura, até a década de 90, quando foram descobertas cachoeiras mais altas em Stara Planina.

16h00 – 18h00 Viagem para Niš

18h00 Chegada em Niš, check-in no hotel e tempo livre. Fim das atividades com o guia.

 

5º dia |  Niš

08h00 – 09h00 Café da manhã no hotel e check-out

09h00 – 13h00 Tempo para explorar Niš 

Niš era o centro militar, comercial e administrativo de vários estados e impérios aos quais, em sua longa história, pertenceu. Hoje a terceira maior cidade da Sérvia, Niš era anteriormente chamada Naissus e é a cidade natal do imperador romano Constantino, o Grande, e Constantius III. Devido à sua posição geográfica estratégica, Niš sempre atraiu muitos conquistadores. Ao longo da história, lá viveram os dardanianos, trácios, ilírios, celtas, romanos, hunos, ávaros e mais tarde bizantinos, sérvios, búlgaros e turcos. Em várias ocasiões, a cidade foi ocupada por húngaros e austríacos. A libertação dos turcos ocorreu em 1878 e desde então faz parte da Sérvia, com pequenas interrupções durante a Primeira Guerra Mundial e a Segunda Guerra Mundial, quando foi ocupada.

13h00 – 15h00 Tempo livre para almoço

15h00 – 18h00 Viagem para Skopje

18h00 Chegada em Skopje, check-in no hotel e tempo livre. Fim das atividades com o guia.

 

6º dia | Skopje

08h00 – 09h00 Café da manhã

09h00 – 12h00 Passeio pelo centro, bazar e fortaleza Kale

Skopje é a capital da República da Macedônia. Está na região de Povardarie e é a maior e mais diversificada cidade do país. Skopje foi ocupada por muitos povos diferentes desde a sua fundação. Isto é evidenciado pelas várias igrejas e mosteiros bizantinos ao redor da cidade, também por alguns locais romanos, como Scupi e aqueduto de Skopje. No entanto, o grupo que deixou a maior marca em Skopje foram os otomanos. Os otomanos governaram a Macedônia por centenas de anos e construíram um grande número de mesquitas e outros edifícios. Hoje, Skopje está se tornando uma cidade moderna. O lar de cerca de um quarto da população total do país, é também o lar de muitos tipos diferentes de pessoas. Além da maioria macedônia, muitos albaneses, turcos, romanos, sérvios, bósnios e outros chamam Skopje de lar.

12h00 – 14h00 Tempo livre para almoço

14h00 – 17h00 Visita ao Museu Arqueológico e à Casa Memorial de Madre Teresa

O Museu Arqueológico de Skopje é um enorme prédio de mármore em estilo italiano construído pelo governo para aumentar o orgulho nacional. No interior, há três andares exibindo a nata das escavações arqueológicas da Macedônia sob o brilho de centenas de pequenas luzes. Os destaques incluem tesouros bizantinos; reconstruções 3D sofisticadas dos primeiros rostos da Macedônia a partir de crânios; uma réplica de uma basílica cristã antiga, mostrando as fases da vida da conservação de mosaicos; e uma necrópole real fenícia.

A Casa Memorial de Madre Teresa é um extraordinário memorial retro-futurista e a igreja mais exclusiva que você verá no norte da Macedônia. Dentro do prédio, há um pequeno museu no primeiro andar, exibindo recordações relacionadas à famosa freira católica de Calcutá, nascida em Skopje em 1910. No segundo andar, há uma capela impressionante, com paredes de vidro forjadas em filigrana (a tradicional reverência tradicional da Macedônia do Norte). Silhuetas de pombas são trabalhadas na filigrana para simbolizar a paz, como uma homenagem a Madre Teresa.

17h00 Retorno ao hotel em Skopje. Fim das atividades com o guia.

7º dia | Ohrid

08h00 – 09h00 Café da manhã no hotel e check out.

09h00 – 12h00 Viagem para Ohrid

12h00 – 15h30 Tempo para explorar Ohrid e almoçar

Ohrid é uma cidade de vasta história e patrimônio no sudoeste da Macedônia, na margem do lago de mesmo nome. Tornou-se um patrimônio da UNESCO em 1980. Aninhada entre montanhas altas de até 2.800 m e o lago Ohrid, não é apenas um lugar de significado histórico, mas também de beleza natural excepcional. Ohrid é a jóia da coroa da Macedônia.

 

15h30 – 19h00 Viagem para Berat

19h00 Chegada em Berat. Check-in no hotel. Fim das atividades com o guia.

8º dia | Berat

08h00 – 09h00 Café da manhã no hotel

09h00 – 13h00 Tempo livre para explorar Berat com visita à fortaleza e ao museu Onufri

Berat é uma cidade e município localizado no centro-sul da Albânia e também uma das maiores cidades continuamente habitadas do mundo. Em julho de 2008, a cidade velha chamada distrito de Mangalem, foi inscrita na Lista do Patrimônio Mundial da UNESCO. O nome da cidade em albanês é "Berat" ou "Berati", provavelmente derivado do antigo eslavo belgrad, que significa "cidade branca" nas línguas eslavas do sul.

Onufri é o autor de algumas das pinturas religiosas mais importantes e maravilhosas da Albânia - ele era considerado o mestre da arte religiosa albanesa. Não há lugar melhor para ver seus inesquecíveis tons de cor do que nas igrejas de Berat e no museu dedicado a essa lenda artística.

13h00 – 15h00 Tempo livre para almoço

15h00 – 17h00 Degustação de vinhos na vinícola Çobo

A família Çobo tem uma longa tradição de produção de vinho que remonta ao início dos anos 1900. Quando um governo comunista foi estabelecido na Albânia em 1945, essa tradição familiar deixou de existir, pois empresas privadas não eram permitidas sob o novo regime. Felizmente, essas tradições preciosas foram mantidas vivas nas histórias e memórias de membros idosos da família Çobo. Quando o governo comunista caiu no início dos anos 90, a família retomou sua produção privada de vinho. Atualmente, a vinícola Çobo produz 100.000 garrafas anualmente, e a família tem capacidade para aumentar a produção para atender à demanda sem comprometer a qualidade do vinho. O vinho Çobo está atraindo rapidamente a atenção mundial e foi representado em várias exposições de vinhos

17h00 Retorno ao hotel e fim das atividades com o guia

9º dia | Gjirokastra e o Olho Azul

07h00 – 08h00 Café da manhã no hotel e check out.

08h00 – 11h00 Viagem para Gjirokastra

Definida por seu castelo, estradas pavimentadas com calcário e xisto, imponentes casas com telhas de ardósia e vistas para o vale do Drina, Gjirokastra é uma cidade montanhosa mágica descrita lindamente pelo autor mais famoso da Albânia, Ismail Kadare (n 1936), em Chronicle in stone. Há assentamentos aqui há 2500 anos, embora atualmente sejam 600 casas "monumentais" da era otomana na cidade que atraem visitantes. Para os albaneses, a cidade também é sinônimo do ex-ditador Enver Hoxha, que nasceu aqui e garantiu que a cidade permanecesse relativamente bem preservada sob seu governo, embora ele não seja comemorado de nenhuma maneira aqui hoje.

11h00 – 13h00 Tempo para explorar Gjirokastra e visitar a fortaleza

13h00 – 14h30 Tempo livre para almoço

14h30 – 17h00 Viagem para Saranda incluindo visita ao Olho Azul

Talvez o local mais deslumbrante da Albânia, o Blue Eye está localizado a cerca de 30 minutos de carro da cidade costeira de Saranda, na estrada para Gjirokastra. Certamente, o fator surpresa contribui para a beleza de toda a experiência. O Olho Azul é uma fonte de água e um fenômeno natural que ocorre perto de Muzinë, no condado de Vlorë, na Albânia. Uma atração turística popular, a água azul clara do rio borbulha numa impressionante piscina com mais de 50 metros de profundidade. Mergulhadores desceram para cinquenta metros, mas ainda não está claro qual é a profundidade real do buraco cársico.

Saranda é a capital não oficial da Riviera Albanesa e, nos meses de verão, parece que metade de Tirana se muda para cá para curtir a praia movimentada e a vida noturna mais movimentada ao longo de seu passeio marítimo cheio de multidões. O que antes era uma vila de pescadores sonolenta agora é uma cidade próspera e, embora Saranda tenha perdido muito de sua singularidade nas últimas duas décadas, ela reteve grande parte de seu carisma.

.

17h00 Chegada em Saranda, check-in no hotel e tempo livre.

Fim das atividades com o guia.

10º dia | Butrint

07h00 – 08h30 Café da manhã no hotel e check-out

08h30 – 09h00 Viagem para Butrint

09h00 – 11h00 Visita a Butrint

Butrint é considerado um dos sítios arqueológicos mais importantes da Albânia. Devido à sua imensa riqueza cultural e histórica, Butrint foi declarado Patrimônio Mundial da UNESCO em 1992 e também Parque Nacional em 2000. Era uma antiga cidade grega e mais tarde romana. Habitado desde os tempos pré-históricos, Buthrotum era uma cidade da tribo grega dos chaonianos, mais tarde uma colônia romana e um bispado. Ele entrou em declínio na Antiguidade Tardia, antes de ser abandonado durante a Idade Média, após um grande terremoto inundar a maior parte da cidade.

11h00 – 12h00 Tempo livre para explorar a cidade de Ksamil

12h00 – 14h00 Visita e almoço em fazenda de mexilhões

Neste passeio exclusivo, você terá uma experiência única. Primeiramente, embarcamos no tipico barco de madeira, o mesmo usado pelos agricultores. O guia local nos levará através do lago e nos contará inúmeras histórias e lendas da região. Durante o passeio, veremos como os mexilhões são cultivados, aprenderemos mais sobre os detalhes de seu crescimento e, ao final, cozinharemos nossos próprios mexilhões na margem do lago. O mexilhão cru cozido com azeite, limão e salsa servido com um copo de vinho branco da casa é a combinação perfeita!

14h00 – 19h00 Viagem para Tirana

19h00 Chegada em Tirana, check-in no hotel e fim das atividades com o guia

11º dia | Tirana

08h00 – 09h00 Café da manhã no hotel
09h00 – 11h30 Passeio guiado por guia local em Tirana


A Albânia passou a maioria dos últimos 60 anos sob um ditador rigoroso e isolacionista, Enver Hoxha. Após sua morte, o país avançou para um modelo econômico de mercado livre, com resultados mistos. Atualmente, Tirana é onde a antiga e nova Albânia se encontram. As ruas não pavimentadas dão passagem para novos Land Rovers, os jovens com iPhones esbarram com vendedores ambulantes vendendo todo tipo de coisa e as brilhantes torres de vidro dão de cara com projetos de construção abandonados. Os viajantes geralmente acham Tirana uma cidade bonita e charmosa, onde sentimentos cosmopolitas e de pequenas cidades estão entrelaçados com uma vida noturna animada.
 

11h30 – 13h30 Visita ao museu Bunk Art 


Esta fantástica transformação - de um enorme bunker da Guerra Fria nos arredores de Tirana a um museu de história e arte contemporânea - é a nova atração mais sensacional da Albânia e facilmente um destaque de Tirana. Com quase 3.000 metros quadrados de espaço subterrâneo espalhados por vários andares, o bunker foi construído para a elite política da Albânia na década de 1970 e permaneceu um segredo durante grande parte de sua existência. Agora hospeda exposições que combinam a história moderna da Albânia com peças de arte contemporânea.


13h30 – 16h30 Subida de teleférico à montanha Dajti e almoço


Dajti é uma montanha a leste da cidade de Tirana, onde também fica o Parque Nacional Dajti, cujo pico mais alto fica a 1.613 metros acima do nível do mar. Vamos pegar o teleférico mais longo dos Balcãs (com 4,7 quilômetros de extensão) até (quase) o topo da Montanha Dajti e desfrutar de vistas fantásticas!


16h30 – 17h00 Retorno ao hotel em Tirana. Resto do dia livre.

12º dia | Partida de Tirana

Transfer para o aeroporto em horário a combinar.

Fim dos nossos serviços. :)

  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

+381 60 417-8876

© 2020 por Bem-vindo à Sérvia.